quinta-feira, 5 de março de 2015

Gato recupera confiança de menino autista

Gato recupera confiança de menino autista


Fraser e Billy são protagonistas de uma amizade muito especial: Fraser é um menino autista que conseguiu ultrapassar grande parte dos seus medos graças ao apoio permanente de Billy, um gato que a família resgatou de um gatil.

Um dos seus filhos do casal Booth, foi diagnosticado com autismo quando tinha apenas 18 meses. É um diagnostico angustiante para qualquer pai uma vez que o prognóstico em termos de evolução e sempre muito reservado.

Como a maior parte dos autistas, Fraser vivia fechado no seu próprio mundo sem comunicar com aqueles que o rodeavam. Além do autismo, o menino sobre de uma doença que atrofia os músculos fazendo com o simples gesto de andar ou agarrar objectos se torne difícil.

“Desde o diagnóstico, a nossa vida não tem sido fácil. Não sabemos nunca o que fazer ou que tratamento seguir. A única coisa que podemos fazer é seguir os nossos instintos”, conta Loiuse ao site norte-americano Sydney Morning Herald.

E foi mesmo por instinto que a família decidiu ficar com o pequeno Billy, um gatinho adoptado de uma associação de protecção dos animais. A família tinha um gato idoso e, inicialmente, Fraser não ligava muito ao animal, mas nos últimos tempos parecia mais intrigado com o felino. “Como o nosso gato Toby já era muito velho achei que seria preferível arranjar um gatinho mais jovem”, explica a mãe do menino.

No momento em que foram buscar o jovem felino, Billy saltou imediatamente para junto de Fraser que ficou fascinado, olhando o animal com um “sorriso nos lábios”. “Queres dizer um olá ao Billy?”, perguntou a mãe ao menino. Para sua surpresa Fraser respondeu: “Mãe, vens comigo?”.

“Para os outros pais esta frase é uma coisa banal mas para nós foi um momento muito emocionante”, conta Loiuse. Desde aí, Billy e Fraser passam a maior parte do tempo juntos, com o gatinho a tornar-se um elemento fundamental, sobretudo quanto Fraser tem crises nervosas.

Loiuse salienta que a presença do animal acalma o menino nos momentos mais sensíveis para a criança, como a hora do banho que, antes de Billy chegar, era um verdadeiro pesadelo, com Fraser aos gritos do princípio ao fim. “Billy aproxima-se da banheira e fica ali a dar o seu apoio, Fraser simplesmente aceita e os banhos deixaram de ser um pesadelo”, relata a mãe do menino.

A história desta amizade que mudou a vida de uma família foi relatada por Loiuse no livro “When Fraser met Billy”, que já está traduzido em várias línguas.

Siga no Facebook a amizade Billy e Fraser

fonte: Mundo dos animais

5 comentários:

  1. Adoro ver esses exemplos assim! Ver o quanto é importante esse convívio, amizade! Os bichinhos são demais! bjs, linda noite! chica

    ResponderEliminar
  2. Fê,

    Que amor de história.
    Eu trabalho com deficientes físicos adultos, e percebo o quanto os animais gostam deles, e os ajudam. É emocionante ver.
    Linda a história do Fraser e Billy.
    Lindo e abençoado final de semana! Beijos

    ResponderEliminar
  3. Bom dia Fê.
    Que relato lindo e emocionante. Se as pessoas soube-se como os animais são importante para as pessoas especiais, teríamos uma grande evolução. Eu tenho uma irmã que tomo conta deste o falecimento dos meus pais, ela tem esquizofrenia, vivia em seu mundo, quando eu comprei Dalila a situação mudou tanto que foi um verdadeiro milagre, agora depois de 9 meses, ela a faz carinho dela e ate coloca sua alimentação, interage mais etc. Como gostaria de saber isso antes, mas enfim tudo é no tempo de Deus.
    Obrigada amiga pelo carinho. Um forte abraço.

    ResponderEliminar
  4. Acredito piamente que os animais podem ajudar em muito estas pessoas que merecem todo o carinho deste mundo ,muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Os animais de estimação conseguem milagres.

    ResponderEliminar

Obrigada por gostares de gatos :)
Todos os comentários são muito importantes para mim.
Ron-rons da Moody