domingo, 11 de maio de 2014

Reunião após doze anos

Um gato foi deixado no gatil/canil de Munique, com o pretexto de ser extremamente agressivo, não deixando ninguém aproximar-se dele (sobre as pessoas que o levaram lá, a notícia não dá mais informações). O pessoal do gatil ficou intrigado, pois o bichano, apesar de ser reservado e evitar o contacto, não se revelou agressivo. Constataram que tinha um chip. E mais surpresos ficaram, ao verificar que as informações lá contidas coincidiam com as de um gato dado como desaparecido por um estudante, no longínquo ano de 2002.

Conseguiu-se localizar esse estudante, hoje, um veterinário a morar em Minden, a 700 quilómetros de Munique, e que mal queria acreditar que o seu gato ainda estivesse vivo. Não hesitou. Meteu-se no carro e fez os 700 quilómetros até Munique, recordando-se daquele que tinha sido um fiel companheiro, durante dois anos, até passeios de bicicleta dera com ele.

O veterinário reconheceu-o logo! Era o seu gato, sem dúvida, se bem que doze anos mais velho.

E o bichano tímido ainda se lembrava dele? Depois de se aproximar devagar e de cheirar a mão que o antigo dono lhe estendia, começou a lamber-lhe carinhosamente os dedos. O pessoal do gatil asssistiu à cena de lágrimas nos olhos, impressionados com aquela demonstração de afecto de um gato tão reservado.

O veterinário regressou a casa com o seu antigo companheiro, claro ;-)

Nota: o link dá acesso à notícia em alemão


4 comentários:

  1. Amiga hoje publiquei um acto heróico de um gatinho e claro que pensei em ti. Quem consegue esquecer o seu melhor amigo? Ninguém, nem nós animais, por mais tempo que esteja ausente. Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  2. que comovente.

    o meu Estrelinha deixou-nos no sábado.

    obrigada por nos dares a conhecer estes casos.

    :)

    ResponderEliminar
  3. Amiga o Brown já me tinha contado esta reunião.:) Beijinho Grande para ti

    ResponderEliminar
  4. Uma história emocionante.
    Os bichos jamais esquecem de quem os ama.

    bjs.

    ResponderEliminar

Obrigada por gostares de gatos :)
Todos os comentários são muito importantes para mim.
Ron-rons da Moody