quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Vasco Graça Moura, O gato


vejo atrás dos vidros
no jardim o gato
siamês que passa
entre os girassóis.

na mesa da sala
há mais girassóis
num pote azul
de faiança.

às cinco da tarde
a janela,
a porta,
estão fechadas, mas

agora o gato
vai passar na penumbra,
entre os girassóis
e a parede.

é um sombra
rapidamente
imaginada
sobre a mesa,

que dita em ponto,
de olhos límpidos,
e percebe o jogo
de espaços e que

já regressou ágil
se salto felino ao corpo do gato
repentino lá fora.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada por gostares de gatos :)
Todos os comentários são muito importantes para mim.
Ron-rons da Moody